Caxias Notícias Online

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

CRIANÇAS APRENDEM A PRESERVAR A NATUREZA NA FAVELA DA MANGUEIRINHA EM CAXIAS


Um grupo de 40 crianças teve uma manhã de educação ambiental na base da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Mangueirinha, em Duque de Caxias, nesta sexta-feira, 26 de setembro. Elas assistiram a uma oficina de reciclagem de garrafas pet e fizeram o plantio de 110 mudas de árvores em uma área de preservação devastada no topo do morro.

​A iniciativa é voltada para a conscientização ambiental de crianças como as da Escola Municipal Hermínia Caldas da Silva, situada na região atendida pela UPP. O evento também fecha as atividades do Dia da Árvore, comemorado no último domingo.
A primeira muda foi plantada por Gabrielly Alves, 10 anos, Andressa Silva de Morais, 11 anos, e Fabiano Silva de Sousa, 10 anos. "Minha avó sempre me chama para plantar na casa dela, porque minha mãe é boa e a árvore cresce rápido. Então acho que essa vai ficar grandona", brincou Gabrielly.
Essas crianças mantém relacionamento estreito com a UPP Mangueirinha. Elas já passaram pelas aulas do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), ministradas pela soldado Tatiana Marques, que também organizou o evento ambiental. "A gente percebe que as crianças mudaram de comportamento com o tempo e isso faz nosso esforço valer a pena. Elas estão no quinto ano e em breve sairão desta escola, mas com certeza levarão lições para toda a vida", disse.

Além do plantio, as crianças fizeram uma oficina de reciclagem na qual montaram um cata-treco com garrafas pet. A professora de artesanato Valeria Cristina explicou que o objetivo não é só ensinar arte, mas estimular a criatividade e a auto-confiança. "Eles veem que podem aproveitar os recursos que têm no ambiente onde vivem". As crianças ainda tiveram a oportunidade de ver e tocar em uma serpente, manejada pelo biólogo Rodrigo Salles.
Comandante da UPP Mangueirinha, o capitão Bruno Leite ressaltou que o trabalho na área da conscientização de crianças ajuda na aproximação com a comunidade. "Trouxemos os alunos de uma escola para terem uma atividade recreativa e educativa ao mesmo tempo. E ainda aproveitamos para arborizar uma área que carece de plantas e sofre com o forte calor", afirmou.

CEL REFORMADO DO EXERCITO É PRESO EM CAXIAS COM 350 QUILOS DE MACONHA NO CARRO



Um coronel reformado do Exército e a mulher dele foram presos pela Polícia Federal com 351 quilos de maconha. Ricardo Couto Luiz, 56 anos, e Marinete Ribeiro Alves Mendes, 49 anos, estavam passando próximo ao pedágio da Rodovia Rio – Petrópolis (BR-040), na altura de Xerém, Duque de Caxias, quando foram abordados pelos policiais, na sexta-feira, às 23h30.

A droga teria sido trazida do Paraguai, e a suspeita é de que ela seria distribuída para traficantes de favelas do Rio e também de Niterói.

De acordo com a Polícia Federal, a maconha estava escondida em um fundo falso, dentro do veículo do casal, um furgão. A droga estava embrulhada em vários pequenos pacotes. O oficial da reserva e a mulher dele vão responder por tráfico de drogas. A pena por este crime varia de cinco a 15 anos de prisão.


O militar contou aos policiais que mora na Barra da Tijuca. Já sua mulher afirmou que reside em Jacarepaguá. O casal não resistiu à prisão. Uma das estratégias usadas pelo coronel, para intimidar possíveis abordagens policiais em blitze, era deixar pendurada num cabide, na parte de trás do veículo, a camisa do uniforme de passeio do Exército. 

Com o oficial, além da droga, foi encontrado também uma pistola calibre 380, sem registro. Por isso, ele foi autuado ainda por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ricardo é coronel intendente e foi promovido por antiguidade em dezembro de 1993.


A operação da Polícia Federal contou com o auxílio de um cão farejador. O coronel foi levado para o Comando Militar do Leste (CML). O órgão militar, por nota, informou que o coronel reformado será encaminhado para uma unidade prisional subordinada ao CML, onde permanecerá à disposição da Justiça comum. Já a mulher do oficial foi encaminhada para o Presídio Nelson Hungria, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu.

domingo, 21 de setembro de 2014

O QUE VOCÊ ACHA QUE DEVE SER MUDADO NA SEGURANÇA PÚBLICA DE DUQUE DE CAXIAS


O que você acha que deve mudar na Segurança Pública de Duque de Caxias?


Participe dando a sua opinião para a melhoria na Segurança Pública da sua cidade.. A sua opinião é importante para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos Caxienses.

Acesse a enquete e participe: 




quarta-feira, 17 de setembro de 2014

ESTADO CRIA CINTURÃO DE SEGURANÇA COM REFORÇO NO POLICIAMENTO EM DUQUE DE CAXIAS

Em meio a crescente onda de violência que vive algumas cidades como Duque de Caxias, São Gonçalo e Nova Iguaçu, o Governo do Estado do Rio de Janeiro decidiu na última semana reforçar o policiamento nestas áreas.

Somente o 15ºBPM, (Duque de Caxias) deverá receber nesta quinta feira (18 Set), cerca de 200 novos Policiais Militares recém formados da Centro de Formação de Praças da Pmerj. 

O aumento provisório no efetivo no 15ºBPM, assim como o 20ºBPM e 7ºBPM, responsáveis pelo policiamento de Duque de Caxias, Nova Iguaçu e São Gonçalo especificamente, somente foi possível graças ao acordo assinado esta semana com o Governo Federal e o Estado do Rio de Janeiro, que resolveram dilatar o prazo de entrega do território tomado pelas Forças Armadas do domínio dos traficantes recentemente  no Complexo da Maré no Rio.


                        Confira os números da violência na cidade de Caxias - período 2014

Em especial, a cidade de Duque de Caxias vinha sofrendo recentemente com a oscilação de determinados índices de violência no município.  A população espera que com o reforço no policiamento na cidade, esses números possam de uma vez por todas chegar a um patamar tolerável aos cidadãos do município de Caxias. 

Confira o gráfico da violência na cidade de Caxias - período 2014

AGOSTO DE 2013 X AGOSTO DE 2014 - VEJA OS NÚMEROS DA SEGURANÇA PÚBLICA EM CAIXAS

QUADRO COMPARATIVO DE AGOSTO DE 2013 X AGOSTO DE 2014 DO ÍNDICE DE VIOLÊNCIA NA CIDADE DE DUQUE DE CAXIAS.  


Veja você mesmo..:



Os índices são baseados nos dados do ISP - Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro
.  
Fonte: http://www.isp.rj.gov.br/

sábado, 13 de setembro de 2014

DILMA ASSINA ACORDO DE PERMANÊNCIA DO EXÉRCITO NA MARÉ E CAXIAS DEVE RECEBER REFORÇO NO POLICIAMENTO


Conforme alguns meios de comunicações haviam adiantado no início da semana, foi assinado ontem  (12 Ago) no Rio de Janeiro, acordo de permanência das Forças Federais que atuam desde o início do ano no Complexo da Maré.  Este acordo possibilitará o remanejamento de centenas de novos Policiais Militares recém formados que atuarão em áreas onde os índices de criminalidade teimam em crescer.  Um destes locais é o município de Duque de Caxias, que vem, mês a mês demostrando um acréscimo nesses números.  

Esperemos agora que se coloque em prática o mais rápido possível as promessas de reforços no policiamento nas ruas da cidade de Caxias.. Os moradores agradecem. 





Presidente Dilma durante a assinatura do acordo


A

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

HOMEM OBRIGA MENINA DE 12 ANOS A ENTRAR NO CARRO EM CAXIAS E COMETE ESTUPRO



Fonte
http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/homem-obriga-menina-de-12-anos-a-entrar-em-carro-no-rio-e-comete-estupro-veja-video-10092014





Uma menina de 12 anos teria sido perseguida, obrigada a entrar em um carro e abusada na rua da própria casa no Parque do Carmo, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Imagens das câmeras de segurança mostram uma caminhonete de cor prata seguindo a vítima. 
A menina teria sido abordada pelo motorista do carro, que se disse armado e obrigou que ela entrasse no veículo. Segundo a mãe da menina, o homem teria abusado sexualmente da criança dentro da caminhonete.
— Ele passou a mão no corpo dela, beijou e falou para tirar a roupa. Depois, tocou as partes íntimas e obrigou a fazer sexo oral nele.
O suspeito teria liberado a criança vinte minutos após o rapto, em um local próximo a casa de uma amiga dela.
— Ela chegou [em casa] muito nervosa, chorando muito. Não sabia explicar o que tinha acontecido. A mãe da amiga falou que ela tinha sido violentada.
A Deam (Delegacia de Atendimento Especializado à Mulher) de Duque de Caxias investiga o caso. A delegada Cristiana Bento desconfia que o suspeito tenha feito outras vítimas. 
— Se tiver outra vitima deste homem,  que usa este veiculo, compareça à delegacia para informar, fazer registro e dar mais dados. Isso vai nos ajudar a chegar ao meliante.
A polícia pretende identificar o suspeito pelas imagens feitas da caminhonete. Se preso, ele responderá por ameaça e estupro de vulnerável.














Gostou? Compartilhe a postagem..

Postagens populares